Novo representante eleito no Brasil

Olá viajante!

Na matéria de hoje iremos apresentar as novidades brasileiras da última semana no cenário político.

No último domingo (28/10), o Brasil foi às urnas para a votação do segundo turno, que decidia o futuro presidente do país, bem como o novo governador de alguns estados que ainda não haviam definido.

urna_lecr-e1447217261594

A disputa à presidência se dava entre o candidato Fernando Haddad do PT, professor da USP que já ocupou o cargo de prefeito de São Paulo e ministro da educação durante 6 anos e o candidato Jair Bolsonaro do PSL, militar da reserva, que já foi vereador do Rio de Janeiro e até então ocupava do cargo de Deputado Federal.

jair-bolsonaro-x-fernando-haddad-1538777943454_615x300

Foram instaladas 454.493 urnas eletrônicas, das quais 1.956 precisaram ser trocadas, segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Os brasileiros que se encontram no exterior do país, 500 mil eleitores, em 99 países, puderam votar apenas para a presidência da República.

Em Portugal o número de eleitores brasileiros aptos a votar cresceu 27% em relação a 2014. O país é o terceiro maior colégio eleitoral no exterior, ao todo são cerca de 40 mil brasileiros aptos a votar no país, em três zonas eleitorais, as cidades de Lisboa, Porto e Faro. Antes das oito da noite era anunciado o novo presidente do Brasil com a vitória do candidato do PSL com 55,13% dos votos válidos. Em Portugal os votos para Bolsonaro somaram 64,41% em Lisboa (4.475 votos), 65,31% no Porto (3.151 votos) e 71,30% em Faro (564 votos).

Second round of the presidential election in Brazil

O presidente eleito, Jair Bolsonaro assumirá seu mandato no dia 1º de janeiro de 2019, como o 38º presidente do Brasil, mas já começou a articular alianças políticas e propostas de nomeações aos ministérios do seu governo. Até então foram divulgados 5 ministros; O economista Paulo Guedes, será o ministro da Economia. Onyx Lorenzoni cuidará da Casa Civil; O juiz federal Sérgio Moro assumirá o Ministério da Justiça; O militar do Exército, General Augusto Heleno ocupará o Ministério da Defesa; e o astronauta Marcos Pontes comandará o Ministério da Ciência e Tecnologia.

s

Fontes:
gazetadopovo
TSE
G1

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s